APROVADO PROJETO QUE VISA COMBATER VIOLÊNCIA CONTRA PROFESSORES


Para promover a segurança, a prevenção e a proteção aos profissionais da rede municipal de ensino, tendo em vista o aumento da violência física, verbal, moral e psicológica contra integrantes dessa categoria, a Câmara Municipal de Natal aprovou na sessão ordinária desta terça-feira (15), em segunda discussão, um projeto de lei apresentado pela vereadora Eleika Bezerra (PSL), subscrito pelo vereador Cícero Martins (PSL), que dispõe sobre medidas de proteção aos trabalhadores da educação na capital potiguar.

A matéria, entre outras atribuições, prevê que as instituições de ensino do Município deverão estimular seus docentes, discentes e demais profissionais que desempenham suas atividades na cidade, bem como familiares e comunidade, a promover palestras, atividades de reflexão e análise de violência contra os professores.

"Dados globais recentes colocam o Brasil como o país mais violento no que tange a violência contra professores ou trabalhadores ligados à educação que desempenham suas atividades laborais dentro das escolas. Infelizmente, essa situação não é diferente em nosso estado e muito menos em nossa cidade. Pesquisas realizadas em 2015 apontam que, na época, pelo menos 135 professores do Rio Grande do Norte disseram que já foram vítimas de atentados contra a vida", explicou a vereadora Eleika Bezerra.

"Assim, acreditamos que esse projeto é de extrema relevância, motivo pelo qual agradeço o apoio dos meus pares por permitirem que o mesmo pudesse seguir o processo legislativo, para se tornar lei e ajudar a coibir a violência contra professores e profissionais da educação de Natal", completou.

Em seguida, o plenário da Casa deu parecer favorável, também em segunda discussão, a uma matéria de autoria da vereadora Ana Paula (PL) que institui, no âmbito da Rede Municipal de Ensino de Natal, o projeto Resgatando a História dos Bairros. O objetivo da proposta é resgatar e divulgar a história dos bairros de Natal, difundindo suas origens, tradições, monumentos e peculiaridades de cada região da cidade.

"Um povo sem história é um povo sem identidade cultural. O resgate de nossas origens é fundamental para preservar nossa identidade. Acredito que uma sociedade sem conhecimento dos fatos históricos, sócio-políticos, econômicos e culturais que determinaram o rumo da história presente, está fadada a cometer novamente os erros do passado", concluiu a vereadora Ana Paula.
APROVADO PROJETO QUE VISA COMBATER VIOLÊNCIA CONTRA PROFESSORES APROVADO PROJETO QUE VISA COMBATER VIOLÊNCIA CONTRA PROFESSORES Reviewed by Francisco Erivan Justino on quarta-feira, outubro 16, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário: