ADVOGADO SOLICITA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA DE SERVIDOR DO MP QUE ATIROU EM PROMOTORES

guilherme wanderley
O advogado Jonas Antunes, que assumiu a defesa de Guilherme Wanderley Lopes Silva, quer uma análise psicológica do servidor do Ministério Público que, na manhã de sexta-feira 24, atirou no procurador-geral adjunto Jovino Sobrinho e no promotor Wendeel Beetoven. Guilherme se apresentou neste sábado 25 à polícia e ficou preso por força de um mandado de prisão preventiva. Ele está no Centro de Detenção Provisória da Ribeira, na Zona Leste de Natal.
“É muito cedo ainda para passar qualquer prognóstico sobre o processo, mas está claro pela carta divulgada por ele que existem problemas psicológicos, motivados em razão do relacionamento entre a atual gestão do Ministério do Público com o servidores. Inclusive, outros servidores estão passando por diversos problemas semelhantes”, afirma o advogado.
Jonas Antunes explica que o servidor Guilherme Wanderley precisa passar por uma avaliação médica urgentemente. “Ele está em uma situação emocional terrível. Tem que passar por um atendimento médico profissional e especializado para que possamos ter um diagnóstico da situação dele”, afirmou. O advogado informou que, nesta segunda-feira 27, irá ao Fórum para ter acesso a outras partes do processo do cliente e então decidir outros encaminhamentos da defesa.
*Com informações do G1 RN
ADVOGADO SOLICITA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA DE SERVIDOR DO MP QUE ATIROU EM PROMOTORES ADVOGADO SOLICITA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA DE SERVIDOR DO MP QUE ATIROU EM PROMOTORES Reviewed by Erivan Justino on 26 março Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo