MILTON FERNANDES NARRA SUA INFÂNCIA EM REDE SOCIAL


sobrado de seu Augusto Fernandes na rua Cosme Marques

Aos 4 anos de idade , sai da rua Daniel onde morava, e aí fui morar. Papai Augusto Fernandes comprou esse sobrado, a seu zé Macedo pai de Maurilio e Mauricio. Lá chegamos: minha mãe Maria e papai.

Augusto, Maude, Miguelão, Lourdinha, Hilton e lá nasceram Fatima, Monica, Mario e Batista. Era uma casa muito bonita e confortável para a época. Salas grandes, quartos bem divididos e piso todo em madeira. Uma varanda com vista pra o campo de futebol de seu Anísio nunes que era cercado de garrancho, e de lá, se via o monte Carmelo e avistava também o bar Savoy que era de papai. Nessa rua maravilhosa a Cosme Ferreira Marques convivi com famílias lindas. Em frente a casa, a fabrica de molho Inharé de seu Fiuza e dona Mariêta. Ao lado casa de seu Ivahy e dona Aparecida, mãe de Dejahy, Welinson e Marquinho(hoje um dos maiores cirurgiões de coração), do estado. Ao lado o instituto Conego Monte.
 
Vizinhos, seu Chagas Farias e Marlene com seus filhos Ary, Iran e Nadia. Logo a seguir seu Vicente, dona Alcirene e filhos, vizinhos Jose Ribeiro e Tôtô. Logo em seguida dona Mariinha Andrade. Ao lado as tubibas ou as Araújo que vendiam deliciosas linguiças e queijo manteiga. Têtê era minha madrinha de fogueira e ate hoje Duceu Araujo mora la. Com as Araujos, vivia muito lá Miguel Filho e Tomba Farias.
A seguir a casa de dona Izaura e seu Ze Rodrigues onde faziam muitos aniversários de Lulu, Meyre e irmãos. Logo vizinho a casa seu Manoel Macedo e sua antiga esposa e depois D. Deuza .

Vizinhos seu Ze Gato e dona Benedita pais de Rozelia, Rizete Ranordo, Roberio e Rozalia pessoas maravilhosas e logo a casa de dona Maria do Ceu Pereira e na esquina, a casa de Erivan e Ia. No instituto Conego Monte também passava filmes na época antes por monsenhor Emerson e depois pelo querido monsenhor Raimundo com o Ginásio comercial. No instituto na época me lembro, do leite em pó, que era distribuído aos podres, que vinha dos estados unidos , ordem para o progresso. Em 1958 veio a copa do mundo onde vi Pelé, Garrincha, Vava fazerem o brasil pela primeira vez campeão do mundo e assisti os jogos na casa de seu chagas com iram e Nadia e Ary e depois seu Ze rodrigues criou ao lada do nosso sobrado o Posto Esso 58 e atrás um senhor restaurante 58.

Atrás desse sobrado tinha a usina velha onde funcionou por muito tempo o motor que levava a luz para toda cidade de 18 hs ate as 22 hs, somente. 
 
Nesse dobrado papai tinha o enchimento de bebidas. Zinebra , vinho de uva , vinagre e papai botava eu Miguel e Hilton pra trabalhar e se agente não fosse, leva corda no lombo ou palmatória nas mãos e muito puchavanque nas orelhas kkkkkk. Foi assim nossa infância na rua Cosme Ferreira Marques. Saudades , saudades, saudades
MILTON FERNANDES NARRA SUA INFÂNCIA EM REDE SOCIAL MILTON FERNANDES NARRA SUA INFÂNCIA EM REDE SOCIAL Reviewed by Erivan Justino on 03 março Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo