KELPS LIMA COBRA AÇÕES DE COMBATE À ESCALADA DA VIOLÊNCIA NO RN

A violência no Rio Grande do Norte foi o tema central do pronunciamento feito pelo deputado Kelps Lima (SDD) durante a sessão plenária desta terça-feira (12), na Assembleia Legislativa. O parlamentar cobrou ações de combate ao problema e citou dados apontando o ano de 2016 como o mais violento da história do RN. De acordo com os números apresentados, 427 pessoas foram assassinadas no Estado até o dia 31 de março, índice superior ao registrado no ano anterior, que foi 346.

“Nas últimas semanas, crianças de três e cinco anos morreram baleadas. É uma guerra civil. O que nos angustia é que não se apresenta medidas de contenção dessa criminalidade”, afirmou Kelps Lima.
O deputado citou o vídeo divulgado nas redes sociais no qual dois bandidos correm sem roupas na avenida Bernardo Vieira acompanhados pela população. “A violência nasce da escuridão. Da ausência do Estado. E quando digo Estado não digo polícia. Onde tem posto de saúde, escola, quadra e iluminação funcionando, você tem a luz, o Estado. E hoje o RN vive na escuridão. Só esse ano 153 presos fugiram do sistema prisional do RN. Nenhum ano completo no RN tivemos tantas fugas”, destacou.

Continuando o pronunciamento, Kelps destacou a ausência de um plano de ação a fim de coibir o aumento desses números e ressaltou a necessidade dos entes públicos se conectarem. “É inacreditável a prefeitura do Natal não estar conectada com o governo na execução de políticas públicas que afetam a violência. Algo precisa ser feito, ninguém suporta mais. Todos estão com medo de andar nas ruas do RN”, disse.

Em aparte, o deputado Getúlio Rego (DEM) destacou a situação financeira do Estado. “Os reforços da polícia estão desfalcados de recursos humanos. E os recursos financeiros estão repassados de forma escassa. O Estado está esquecido. O RN não tem dinheiro para fazer as coisas”, afirmou. O deputado Ricardo Motta (PROS) também se pronunciou sobre a necessidade de recursos. “Sem os recursos necessários, nenhum governador poderá tratar como se deve a segurança pública”, disse.

O deputado Carlos Augusto Maia (PSD) também contribuiu ressaltando que a violência é um problema histórico no RN. “A fatura da crise no sistema prisional não deve ser cobrada apenas ao governador Robinson Faria (PSD). O problema é resultado de uma omissão histórica, mas temos que reconhecer o esforço da equipe e reconhecer que estamos vivendo uma crise que não é recente”.
KELPS LIMA COBRA AÇÕES DE COMBATE À ESCALADA DA VIOLÊNCIA NO RN KELPS LIMA COBRA AÇÕES DE COMBATE À ESCALADA DA VIOLÊNCIA NO RN Reviewed by Erivan Justino on 12 abril Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo