COMERCIANTES SE ORGANIZAM CONTRA VENDA DA CEASA ANUNCIADA PELO GOVERNO


Já habituados com a ideia de que um dia teriam que se mudar ou, quem sabe, ter privatizado todo o local onde há décadas ganham a vida, os 428 permissionários do CEASA de Natal estão perplexos com a possibilidade do terreno 66 mil m² onde tem seus negócios de atacado e varejo ir à venda.
“Não esperávamos isso de jeito nenhum e ninguém do governo apareceu pra conversar com a gente”, diz Samuel Epitácio, presidente da Associação dos Usuários Atacadistas das Centrais de Abastecimento do Rio Grande do Norte – ASSUCERN.
Mesmo funcionando normalmente nesta segunda-feira, 15, os permissionários organizaram uma carreata que tentará fazer algum barulho nas interditadas vias que margeiam a Assembleia Legislativa.
Samuel Epitácio disse que, na semana passada, muitos comerciantes do CEASA estavam até animados com a ideia de o governo privatizar todo o espaço. “Isso significaria banheiros limpos, portaria funcionando, saneamento do lugar finalizado…só que não”, admite, desanimado. “Venda é venda, a gente vai ficar sem espaço e teremos que ir embora”.
Segundo o presidente da Associação, hoje o custo mensal da CEASA de Natal é de R$ 400 mil. Os permissionários trabalham há algum tempo com a ideia de assumir esses custos e até pagar o Estado pela exploração do espaço, desde que o governo começou a cogitar a possibilidade de transferir a Central para Parnamirim.
“Com o pacote fiscal lançado na semana passada, os empresários meio que caíram na realidade e ela não é nada bonita”, diz Epitácio.
Nesta segunda-feira, a primeira tarefa de representantes dos permissionários da CEASA é verificar se realmente o tema de venda será debatida em alguma das comissões formadas na Assembleia que antecederão o início da votação do pacote fiscal do Estado.
Enquanto isso, um pequeno grupo se juntará aos demais manifestantes que cercam o prédio da AL. “Não deve ser muita gente porque a gente tem que trabalhar e não gostamos da ideia de criar confusão”, avalia o presidente da Associação.
COMERCIANTES SE ORGANIZAM CONTRA VENDA DA CEASA ANUNCIADA PELO GOVERNO COMERCIANTES SE ORGANIZAM CONTRA VENDA DA CEASA ANUNCIADA PELO GOVERNO Reviewed by Erivan Justino on 15 janeiro Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo