CAMPEÃO COMO ATLETA, BARATA QUER REPETIR FEITO NO ASSU E VENCER ESTADUAL 2017

Foto: Diego Breno / Futebol Potiguar

Em Assu, o clima de expectativa predomina. Nesta quarta-feira, 12, o time de mesmo nome, representante da cidade na primeira divisão do Campeonato Potiguar, terá um confronto valiosíssimo contra o tradicional América. No Estádio Edgar Borges Montenegro, o Camaleão do Vale jogará por dois objetivos: o primeiro é conseguir uma vaga na final do segundo turno, e o segundo é selar a classificação para disputar a Série D do Campeonato Brasileiro no ano que vem.
Quem acompanha o Estadual desde o início, principalmente ao analisar o término do primeiro turno, jamais imaginaria que uma reviravolta pudesse ocorrer no ASSU. Tendo à frente investidores colombianos – que meses mais cedo haviam fracassado na segunda divisão do Estadual -, o time fez uma campanha simplista, com apenas nove pontos conquistados e encerrando a primeira etapa na modesta quinta colocação.
Insatisfeita com o resultado, a diretoria do ASSU optou pelo rompimento do acordo com os colombianos, impulsionada também pelo descumprimento de normas dos empresários. A partir daí a situação começou a mudar. O técnico Barata, então demitido ‘misteriosamente’ do Baraúnas, foi anunciado como novo treinador do Camaleão, assumiu a equipe, reformulou o elenco e começou a colecionar bons resultados.
CAMPEÃO COMO ATLETA, BARATA QUER REPETIR FEITO NO ASSU E VENCER ESTADUAL 2017 CAMPEÃO COMO ATLETA, BARATA QUER REPETIR FEITO NO ASSU E VENCER ESTADUAL 2017 Reviewed by Erivan Justino on 11:23:00 Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo