USO DE PROGRAMA DE GOVERNO EM CAMPANHA COMPLICA ROBINSON FARIA (PSD)

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) abriu Inquérito Civil Público para investigar um possível ato de improbidade administrativa por parte do governador Robinson Faria (PSD).
Na publicação, o MPRN diz que levou em consideração “o teor da representação autuada como Notícia de Fato n.º 242/2016, na qual é atribuída ao governador do Rio Grande do Norte a conduta de ter favorecido o então candidato a prefeito de São Miguel, José Gaudêncio Diógenes Torquato (PSD), ao promover e participar pessoalmente do lançamento do Programa ‘Microcrédito Empreendedor’ no citado município em 10 de setembro de 2016”.
Ainda de acordo com o Ministério Público, “na data em questão, também estava programada, no largo do Mercado de São Miguel, a realização do comício da coligação “O Trabalho Vai Voltar”, evento encabeçado pelo então candidato a prefeito José Gaudêncio Diógenes Torquato e pelo seu irmão e deputado estadual José Galeno Diógenes Torquato (PSD)”.
A eleição foi vencida por José Gaudêncio.
Com informações do MPRN.
FONTE: CARLOS SANTOS
USO DE PROGRAMA DE GOVERNO EM CAMPANHA COMPLICA ROBINSON FARIA (PSD) USO DE PROGRAMA DE GOVERNO EM CAMPANHA COMPLICA ROBINSON FARIA (PSD) Reviewed by Erivan Justino on 15 março Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo