ONU PROPÕE PARCERIAS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE PROGRAMAS NO RN

O deputado federal Rafael Motta (PSB) iniciou na manhã desta quinta-feira (16) a agenda da Missão da ONU em Natal, e esteve com o representante do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA/ONU), Jaime Nadal, e a reitora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Ângela Paiva. Depois, foi feita também uma reunião com o governador do Estado, Robinson Faria. Os encontros têm como objetivo firmar parcerias entre a ONU, a UFRN e o Governo do RN para implementação de políticas públicas para mulheres e jovens nas áreas da saúde, educação e qualificação para empregabilidade.

Na UFRN, a ONU propôs uma parceria para transformar o Núcleo de Pesquisa em Alimentos e Medicamentos (NUPLAM) em laboratório fornecedor de medicamentos para a América Latina. Já no encontro com o governo, foi discutido a possibilidade do Executivo colher dados para elaboração de um plano de ação com programas a serem desenvolvidos no Estado, por meio de uma parceria entre a ONU e Governo do RN.
 
Durante as reuniões, Rafael Motta fez questão de frisar a necessidade de ter projetos desenvolvidos pela ONU no Rio Grande do Norte. “É de suma importância a vinda da ONU neste momento para o nosso Estado, pois é uma instituição de atuação internacional que pode trazer melhorias aos potiguares. A ONU já desenvolve projetos em outros estados do Nordeste e tenho certeza que chegou a vez do RN”, afirmou o deputado Rafael Motta.
Já o representante da ONU, Jaime Nadal, disse que a organização quer trazer benefícios para o Estado, e em seus argumentos citou a apreensão nos setores de educação e saúde. “Temos uma preocupação com a baixa qualificação dos jovens quando chegam ao mercado de trabalho. A universalidade do ensino é muito importante, mas essa universalidade tem que ser de qualidade. Em relação aos medicamentos, a ONU não tem catálogo de fornecedores na América Latina e seria muito interessante que a UFRN fosse nosso fornecedor. Em julho, haverá uma reunião da OMS para qualificar as instituições que irão produzir e a UFRN pode ser uma delas", acrescentou Nadal.

A reitora da UFRN ressaltou o interesse em firmar convênio com a ONU e a universidade deverá se qualificar para ser fornecedora de medicamentos da ONU.  “Estaremos sim neste evento para fazer essa qualificação. Temos muito interesse em fazer parcerias, e há uma determinação da nossa parte para isso”, disse Ângela Paiva.

Na UFRN, estiveram presentes também a reunião o vice-reitor da UFRN, José Daniel Diniz, a vice-diretora do NUPLAM, Lourena Veríssimo, além das assessoras da ONU, Nair Sousa e Anna Cunha. E no Governo, participaram do encontro a secretária de Assistência Social, Juliane Faria; secretaria-chefe do Gabinete, Tatiana Mendes Cunha e a secretária de Comunicação Social, Juliska Azevedo.
ONU PROPÕE PARCERIAS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE PROGRAMAS NO RN ONU PROPÕE PARCERIAS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE PROGRAMAS NO RN Reviewed by Erivan Justino on 16 março Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo