USINA FOTOVOLTAICA DO IFRN RECEBE VISITA DO CREA

O IFRN é a instituição pública que mais investe em energia solar. Com 11 usinas já em funcionamento, prevê a instalação de mais 10

Uma equipe de engenheiros do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Norte (CREA/RN) realizou na manhã de hoje (30) uma visita aos painéis de energia solar instalados na Reitoria do IFRN. A iniciativa faz parte do Seminário de Fiscalização do Rio Grande do Norte que acontece anualmente no órgão. 
Durante a visita, o engenheiro do Instituto, Franclin Robias, explicou aos visitantes todo o processo de funcionamento das usinas fotovoltaicas, e também seus benefícios para a Instituição. Para o gerente de fiscalização do CREA, Emerson Fonseca, a visita é uma oportunidade de conhecer o processo fotovoltaico utilizado pelo IFRN, "A visita foi agendada para obtermos mais informações técnicas sobre funcionamento e questões legais relacionadas às empresas contratadas", comentou.
A usina instalada no prédio da Reitoria foi a primeira das 11 que já estão em funcionamentos nos campi do IFRN. Além da reitoria, os campi Currais Novos; Natal-Central; Canguaretama; Ceará-Mirim; São Paulo do Potengi; Parelhas; São Gonçalo; Pau dos Ferros e João Câmara também já possuem geradores em pleno funcionamento. 

O próximo gerador a entrar em funcionamento será do Campus Lajes, que está apenas aguardando a conclusão dos trâmites finais junto à COSERN para autorização do funcionamento. A Instituição está realizando a aquisição de mais 9 geradores para os Campi Mossoró, Santa Cruz e Natal- Zona Norte, Unidade Rocas do Campus Cidade Alta, Parnamirim, Nova Cruz, Apodi, Ipanguaçu e Macau. Ao final dos processos de contratação, todas as unidades do IFRN farão uso da energia solar como complemento à fornecida pela Cosern, contribuindo com produção energética do estado.

Energia solar no IFRN
O IFRN foi a primeira instituição pública do eOstado a aderir ao sistema de compensação de energia regulamentado pela Resolução Normativa 482/2012 da ANEEL. Conforme a REN 482/2012, um consumidor de energia elétrica que instale pequenos geradores em sua casa, condomínio ou empresa (como, por exemplo, painéis solares fotovoltaicos e pequenas turbinas eólicas) pode utilizar a energia gerada para abater o consumo de energia elétrica da unidade. Quando a geração for maior que o consumo, o saldo positivo de energia poderá ser creditado na fatura dos meses seguintes.
USINA FOTOVOLTAICA DO IFRN RECEBE VISITA DO CREA USINA FOTOVOLTAICA DO IFRN RECEBE VISITA DO CREA Reviewed by Erivan Justino on 01 dezembro Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo