SITES TÊM HISTÓRICO E ALERTA DE PREÇO PARA AJUDAR A FUGIR DA ‘BLACK FRAUDE’


Uma das principais decepções para quem deseja comprar um produto na Black Friday é esperar por uma grande oferta e, no dia, não encontrar descontos tão expressivos ou se deparar com a maquiagem de preços.
Para facilitar a vida do consumidor e garantir boas compras, alguns sites de comparação de preços mantêm um histórico com os valores cobrados pelos produtos e prometem avisar sobre ofertas e promoções reais. Conheça alguns abaixo, listados em ordem alfabética.
Baixou
O site de monitoramento Baixou (http://www.baixou.com.br/blackfriday) tem um histórico de preços que ajuda o consumidor a checar se os descontos são reais.

A empresa também oferece um plug-in chamado Baixou Agora (www.baixou.com.br/baixouagora), que é adicionado ao navegador (Chrome, Firefox, Internet Explorer etc.) e lembra o usuário de comparar os preços antes de fechar as compras.
O site promete sortear um Iphone 7 para os clientes que se cadastrarem para receber antes as ofertas da Black Friday.
Blackfriday.com.br
O site www.blackfriday.com.br foi criado pelo portal Busca Desconto, que afirma ser o idealizador do evento no Brasil e ter trazido a ação para cá em 2011.

O site não tem um histórico de preços nem uma ferramenta que permita comparar os valores dos produtos em diferentes lojas. Porém, promete fazer uma seleção interna e destacar em sua página os melhores descontos.
Também promete oferecer um chat, no site e em seu perfil no Facebook (https://www.facebook.com/blackfridaybrasil), para ajudar o consumidor a encontrar produtos e cupons de desconto. A ideia é que o chat se pareça com um atendimento de loja, segundo Fernando Wolff, diretor-executivo da Smarkio, empresa que desenvolveu o sistema.
Os consumidores podem se cadastrar no portal para ter acesso às ofertas e concorrer ao sorteio de um Chevrolet Onix.
Buscapé
O site de comparação de preços Buscapé (www.buscape.com.br) apresenta um histórico de preços onde o consumidor pode conferir as variações de valor e checar se o desconto é real. Segundo o diretor de marketing do site, Fabio Sakae, a página inicial do site só irá exibir produtos que de fato apresentem desconto.

O comprador pode pedir para ser avisado quando um produto atingir o preço desejado.
O portal oferece um serviço chamado “Buscapé te Protege”, que assegura a entrega do produto ou o dinheiro do cliente de volta. O consumidor precisa fazer um cadastro e estar logado no site. O serviço é gratuito e a cobertura vale para itens de até R$ 5.000.
Já Cotei
O comparador Já Cotei também terá uma página específica para a Black Friday (http://www.jacotei.com.br/blackfriday). Serão exibidos gráficos com o histórico de preços nos últimos meses e sinalizações das ofertas mais atrativas, com o selo “Desconto Black Friday”.

O comprador pode pedir para ser avisado quando um produto atingir o preço desejado.
Quem faz compra por meio desse comparador pode ganhar pontos Multiplus e milhas Smiles. Se a empresa for participante dessa ação, ao lado da oferta são informados quantos pontos e milhas a compra representa.
Zoom
O comparador de preços Zoom terá uma página voltada especificamente para a Black Friday (https://www.zoom.com.br/black-friday). O site mostra um histórico de preços dos produtos. Para o evento, promete acompanhar as oscilações de preços e identificar com um selo quais os itens com os maiores descontos.

Ainda para a Black Friday, o site promete ter especialistas ajudando a tirar dúvidas dos consumidores e mostrar, ao lado da oferta, como está o tráfego no site escolhido para a compra (alguns costumam ter muitos acessos e enfrentar lentidão).


SITES TÊM HISTÓRICO E ALERTA DE PREÇO PARA AJUDAR A FUGIR DA ‘BLACK FRAUDE’ SITES TÊM HISTÓRICO E ALERTA DE PREÇO PARA AJUDAR A FUGIR DA ‘BLACK FRAUDE’ Reviewed by Erivan Justino on 25 novembro Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo