ESCRITOR SANTACRUZENSE DIEGO ROCHA: OBRA FALA SOBRE O TRAIRI POTIGUAR


Adicionar legenda
O Rio Trairí Remoía Sertão” é romance que pertence à escola literária do neorrealismo, exaltando a vertente do regionalismo sertanejo. Contém 416 páginas, que têm como espaço o rincão de Cachoeirinhas do Trairí, nordeste brasileiro, e linha temporal entre as décadas de 1960 e 1980, com fatos que lembram a crise econômica, política e ética nos Poderes Públicos do Brasil atual. À obra narram-se fatores sociais marcantes como: miséria, pobreza, fome, desamparo social, proselitismo, populismo, xenofilismo, homofobia, antissemitismo, inflação, corrupção, soberba de políticos, servidores públicos, coronelismo, desesperança, ditadura militar socialista, indústria da seca e fraude eleitoral. 

       Doutro modo, o romance dá lugar à suavidade do companheirismo, da poesia, da apreciação da culinária sertaneja, dos cuidados com a preservação do meio ambiente através da narrativa descritiva de belas paisagens do agreste potiguar, da caatinga. Também, na obra estão presentes elementos como misticismo, causos e lendas do sertão brasileiro. Toda a narrativa se faz em terceira pessoa sob o olhar do narrador-personagem chamado Mário – caricatura do malandro, marginal e anti-herói. O formato da escrita transmite um ethos da linguagem do popular, do brejeiro, além de permitir outras variantes linguísticas de seus personagens. Trata-se de escrito instigante e multifacetado de ironias, sarcasmos e reflexões sobre o comportamento da sociedade brasileira e seus valores em crises.


Já à venda no site: www.amazon.com.br Preço do livro, formato E-Book: R$ 24,99 (ou R$ 0,00 no Kindle ilimitado). Visite a página da Amazon e leia AMOSTRA GRÁTIS do livro!
ESCRITOR SANTACRUZENSE DIEGO ROCHA: OBRA FALA SOBRE O TRAIRI POTIGUAR ESCRITOR SANTACRUZENSE DIEGO ROCHA: OBRA FALA SOBRE O TRAIRI POTIGUAR Reviewed by Erivan Justino on 15 outubro Rating: 5
Postar um comentário

Romário Bispo